12.2.08

Realmente...

Todo mundo pode jurar que é balela, mas a vida realmente começa depois do carnaval. E não é na quarta de cinzas não, é na segunda-feira próxima, depois da ressaca no fim de semana posterior a folia.

Meu carnaval não foi lá essas coisas, como já disse por aqui. Desfilar é muito bom, ter a escola em nono lugar nem tanto... trabalhar na terça-feira então, nem se fala. Mas foi bom. Repousei o fígado e desfrutei de um bobó de camarão na casa da Gika e do Marco que, realmente, não tenho como descrever.

Hoje, perambulado pela minha lista de favoritos, reparei que quase todos os meus amigos blogueiros voltaram à atividade. Até o Fábio que abandonou o "Meus Pitacos", mas, volta-e-meia, passava por aqui pra ler alguma coisa. Fiquei feliz em receber notícias dos blogueiros. É sempre bom ter o que ler... ler sem formalidades, sem objetivos. Apenas ler e comentar as idéias de pessoas normais (não tão normais assim) que, assim como eu, gostam de escrever e dissiminar por aí suas idéias... seja lá quais forem.

Confesso que o conteúdo das minhas últimas postagens tem sido quase zero. Há tempo não escrevo nada "de peso". Tá tudo meio água com açúcar, falando da vida, pensando na morte da bezerra, na escola de samba, no começo do ano... enfim. Mas hoje, me senti revigorado. Parece que realmente o ano vai começar...

Pra mudar tudo da água pro vinho, às 8h09, 9 minutos após a abertura do expediente, o gerente me chamou e me pediu pra assinar a minha notificação de férias! Pronto! Mudou tudo já! Me sinto feliz pra burro! Diliça! Salvador que me aguarde... Também tenho sentido uma certa "alegria" ao vir trabalhar... não sei o que é não, mas o "saco cheio" que eu carregava nas costas parece estar esvaziando. Não sei se é porque estou com o descanso anunciado, mas tenho me sentido melhor... desde ontem.

Li num adesivo colado no ônibus ontem: "Quaresma. Tempo de pensar e fazer o bem". Por um segundo titubeei. Pensei em fazer promessa e passar quarenta dias sem comer carne e essas coisas... mas lembrei que minha parte católica acabou no batizado e que, se eu prometesse e não cumprisse, Deus ficaria extremamente magoado comigo... (snif, snif!). Então, resolvi não prometer nada, porém, JUREI me policiar suficientemente pra não me permitir xingar, odiar ou maldizer ninguém. Pelo menos até a sexta-feira da paixão. Claro, quem promete pede algo em troca, mas não foi o caso. Ou foi... pedi equílibrio, forças e saúde pra continuar a jornada 2008 que está apenas começando. Veremos... acho que consigo.

De resto, tá na hora de cuidar dos meus etkt's e atender os aeroportos. O bicho ainda tá pegando na volta do Carnaval... honremos nossos compromissos!

Abraço à todos!

Um comentário:

Fábio disse...

Pô, acabou de voltar do Carnaval (e ainda por cima desfilou!) e já está com esse papo de férias??? :P