25.6.08

Luto

Faleceu ontem em São Paulo, a ex-primeira-dama, Ruth Cardoso.
 
Essa nota vocês já devem ter lido várias vezes. Minha função aqui não é dar a notícia, mas sim comentar a notícia.
 
Perdemos uma mulher importante. Uma mulher que não viveu à sombra do marido e que não se preocupou em lançar modelitos. Determinada e sensível, Dona Ruth lutou pelo nosso país mais que qualquer outra primeira-dama poderia ter lutado.
 
Tem um currículo invejável... a professora Ruth, que dizem ter dado aula para o grande Juca Kfouri, se portava discretamente, levava sua vida intelectual e acadêmica separadamente da vida do marido.
 
O ditado é correto, amigos: por trás de um grande homem, há sempre uma grande mulher.
 
Essa é minha singela homenagem a uma mulher que mudou um pouco a cara do nosso país.

2 comentários:

Fábio disse...

Dona Ruth era o lado mais progressista do governo do marido - que deveria tê-la ouvido muito mais antes de tomar várias de suas decisões políticas.

Vai fazer falta, muita falta, também por ter sido uma inegável reserva moral. Nesses tempos em que a moral e o espírito público não estão muito na moda, perder dona Ruth é ainda mais triste.

garrafa e mar disse...

Uai, vc voltou?
Q bom.

Abraços