16.4.08

O tempo continua de amargar, hein!? Fala sério... Já estou mal, tossindo, com corisa e dor no ombro. Nem cheguei ainda, vai vendo...

Esqueci de trazer o CD com as fotos da viagem, ou seja, não tenho nada aqui no computador. Ou melhor, quase nada. Tenho umas fotos que tirei do celular... alguns dos lugares por onde passei dias que não esquecerei jamais.

Um deles é esse aqui, Sauípe.



Os nossos amigos-compadres-guias-turísticos juraram que não era daquele jeito, mas o que vimos não nega: o progresso está chegando a Sauípe. Claro, Sauípe é diferente de Costa do Sauípe. Sauípe é uma vila. Simpática, modesta, cheia de gente simpática. O que eles disseram é que não tinha nada ali há alguns anos. Mas ainda bem que já tinha...
Estávamos cansados, mortos, meio bêbados e com fome. A sorte é que havia uma padaria, um mercadinho e até farmácia! Foi tudo de melhor... A praia é maravilhosa. Deu pra curtir um final de tarde fantástico. Paisagem, sol se pondo e uma brisa que faria qualquer um sentar ali e dormir até o outro dia. Realmente...

O outro é um ponto turístico conhecidíssimo de todos nós, o Farol da Barra.



Aí em frente, no prédio branco onde fica o camarote do Expresso 2222, trio de Gilberto Gil, funciona uma boate nova, onde o amigo-compadre-guia-turístico trabalha. Por sorte nossa, é só as sextas e sábados. Nesses dias, então, ficávamos pela cidade, caçando um canto pra encostar e deliciar as "roskas" à beira mar. A boate chama LOTUS. Tem aqui em Sampa também e em Nova Iorque... coisa fina! rs... Mas não é dela que vou falar...
Uma das praias que mais freqüentei em Salvador foi a praia do Porto da Barra. Aí, ao lado direito do farol, o mar é calmo, limpo, transparente, cheio de peixe e com a barraquinha da Dona Mara, simpática baiana que barateia o preço e dá um atendimento de primeira!
Pra se ter idéia, ela corre até o mar, enche um regador e molha os pés dos clientes e a areia, pra que ningém queime o pé. Quando se trata de criança, o cuidado é redobrado. Pedia aos meninos pra ir buscar água doce para que eu desse banho no Caetano logo depois que ele amoçasse pra que ele dormisse em paz, embaixo do guarda-sol - que lá se chama "sombreiro" - imenso que ela alugava pra gente.

Aqui é Jauá.



Essa praia fica na Linha Verde, estrada que liga Salvador a Aracajú, onde também estão Sauípe, Imbassaí, Itacimirim, Massarandupió, Praia do Forte e mais uma porrada que eu não lembro. Chegando lá em Sergipe, tem Mangue Seco, onde foi filmada a novela Tieta, em mil novecentes e cu quadrado, quando a Beth Faria tinha menos de três dígitos de idade...
Acho que é a primeira, não me lembro bem da ordem. A praia é bem legal e os quiosques antigos dão um clima bem calmo, tão tranqüilo que, para o tiozinho aparecer com a cerveja foram exatos 14 minutos...
O que é legal nessa praia são essas pedras que, praticamente, dividem a parte rasa da parte funda. Muito interessante... dá pra ir a nado... sem pressa... bem abaianado... rs...



O que tenho por agora é isso. O CD tem mais de 300 fotos... Claro, vou mostrar os lugares legais, os pontos turísticos, a Ilha de Itaparica, enfim, lugares bacanas, pra que o próximo que pisar na Boa Terra já tenha um roteiro pré-estabelecido! rs...

Por hoje é isso. Volto logo mais...

Abraço!

Um comentário:

laís D'Andréa disse...

Sua descrição tá de inspirar... Fico só imaginando como as coisas podem ser diferentes longe dessa cidade poluída, que me deixa claustrofóbica.